Resenhas



1

"Novas publicações: “O artista do exagero: A literatura de Thomas Bernhard” e “Thomas Bernhard e seus seres vitais: fotos, documentos, manuscritos”

centroaustriabrasil por centroaustriabrasil em 03/novembro/2014

Na oportunidade da abertura da Exposição Internacional Thomas Bernhard e seus seres vitais em Curitiba (PR), foram publicados dois livros sobre a vida do escritor austríaco pela Editora UFPR.   “O artista do exagero: A literatura de Thomas Bernhard” A coletânea consiste de ensaios escritos por críticos reconhecidos que examinam os aspectos mais salientes da […]


zalozce-kosciol-1wojna1

"Austria, the war and the world 1914-2014. The good, the bad, and the ugly: cosmopolitan reflections on a stormy century by the american-born son of viennese-jewish refugees

por by Peter Wortsman em 13/outubro/2014

A few remarks about Colloquium, 100 Years After the Great War: The Ongoing Aftermath of a Cultural Breakdown Porto Alegre, Brazil, 2014   I would like to dedicate these remarks to a native son of Porto Alegre, Moacyr Jaime Scliar, the late great author of enigmatic tales. * Let me begin by thanking Kathrin Rosenfield, wise […]


manuskript

"O centenário de “Totem e Tabu”

por por Márcio Seligmann-Silva em 13/outubro/2014

(Texto Originalmente Publicado no Jornal Folha de São Paulo em 29/12/2013)   “Eu sou todo ‘Totem e Tabu’” (Freud em carta a Sándor Ferenczi, em 11/8/1911) Pode-se dizer que a recepção do ensaio “Totem e Tabu”, de Sigmund Freud, condensa de modo exemplar a história da recepção da psicanálise. Se esta foi recebida, desde o […]


a28

"A cidade em ruínas de S. Y. Agnon

por por Luis S. Krausz em 13/outubro/2014

Em Hóspede por uma noite, romance de S. Y. Agnon publicado pela primeira vez em 1938, considerado pela crítica como sua obra-prima, o escritor apresenta um retrato desolador de sua cidade de nascença, arrasada material e espiritualmente, e o desmembramento da antiga comunidade judaica da Europa, que vivia em torno da esperança pela Redenção e […]


ARTIGO - O riso trágico - Márcio Seligmann-Silva

"O riso trágico

por por Márcio Seligmann-Silva em 13/outubro/2014

(Publicado originalmente na Folha de São Paulo)   Se a sátira é um gênero que incomoda muita gente, é porque ela nos mostra a humanidade como desprovida de qualquer sentido. Seu paradoxo é que ela é uma “redenção pelo riso” que desacredita profundamente qualquer possibilidade de redenção. Assim se entende por que Thomas Bernhard, talvez […]


ARTIGO - Os Sonambulos de H. Broch - Kathrin Rosenfield

"Os Sonâmbulos de Hermann Broch

por por Kathrin H. Rosenfield em 13/outubro/2014

É empreitada de fôlego e uma dádiva para o público o lançamento de Os Sonâmbulos de Herrmann Broch (1931), com a fluida e ágil tradução de Marcelo Backes, que enfrentou com sucesso os desafios estilísticos dos três volumes. A trilogia deveria despertar o interesse do público da era da globalização. Um século após o período […]